MPT apura irregularidades trabalhistas em escolas de samba do Rio Leave a comment

A Superintendência Regional do Trabalho, em conjunto com a Polícia Federal, realizaram nesta quarta-feira (31) uma operação para apurar irregularidades trabalhistas nos barracões de todas as escolas de samba do Rio de Janeiro, na Cidade do Samba.

A ação fiscal foi solicitada pelo Ministério Público do Trabalho do Rio de Janeiro (MPT-RJ). A ação, de acordo com nota publicada pelo próprio MPT-RJ, tinha como foco principal o barracão da Mocidade Independente de Padre Miguel, pois a agremiação foi condenada em ação civil pública proposta pelo MPT exigindo o cumprimento de diversos direitos trabalhistas.

Notícias relacionadas:

Ensaios técnicos levam emoção do público às escolas de samba do Rio.PF e MPT identificam mais de 220 trabalhadores em condição irregular.Veja a programação dos ensaios técnicos das escolas de samba do Rio.O MPT-RJ informa ainda que aguarda o resultado da fiscalização para tomar as providências necessárias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *